Que bom ter amigos

image_pdfimage_print

Texto: Marcos 2:1-12- E ALGUNS dias depois entrou outra vez em Cafarnaum, e soube-se que estava em casa.2 – E logo se ajuntaram tantos, que nem ainda nos lugares junto à porta cabiam; e anunciava-lhes a palavra.3 – E vieram ter com ele conduzindo um paralítico, trazido por quatro.4 – E, não podendo aproximar-se dele, por causa da multidão, descobriram o telhado onde estava, e, fazendo um buraco, baixaram o leito em que jazia o paralítico.5 – E Jesus, vendo a fé deles, disse ao paralítico: Filho, perdoados estão os teus pecados.6 – E estavam ali assentados alguns dos escribas, que arrazoavam em seus corações, dizendo:7 – Por que diz este assim blasfêmias? Quem pode perdoar pecados, senão Deus?8 – E Jesus, conhecendo logo em seu espírito que assim arrazoavam entre si, lhes disse: Por que arrazoais sobre estas coisas em vossos corações?9 – Qual é mais fácil? dizer ao paralítico: Estão perdoados os teus pecados; ou dizer-lhe: Levanta-te, e toma o teu leito, e anda?10 – Ora, para que saibais que o Filho do homem tem na terra poder para perdoar pecados (disse ao paralítico),11 – A ti te digo: Levanta-te, toma o teu leito, e vai para tua casa.12 – E levantou-se e, tomando logo o leito, saiu em presença de todos, de sorte que todos se admiraram e glorificaram a Deus, dizendo: Nunca tal vimos.

Início: Os amigos são um bem precioso. E se há uma palavra que devemos ter sempre presente quando pensamos neles é a gratidão. O grande apóstolo Paulo também sabia por experiência o que era sentir a falta de amigos. Certa ocasião ele desabafou: II Tm. 4:16- “Na minha primeira defesa ninguém me assistiu, antes todos me desampararam…” . Há momentos na nossa vida que são difíceis de enfrentar sozinhos, sem que haja um amigo por perto. Vamos valorizar mais os nossos amigos.

Os amigos: Eles tinham um objetivo naquele dia, ir até a casa de Jesus, mas além disto era levar o seu amigo enfermo. Ao verem a multidão que obstruía por completo o acesso ao interior da casa onde estava o Mestre, poderiam ter dito: “Amigo, vai ter que ficar para a próxima. Vamos estar atentos e da próxima vez seremos os primeiros. “ Porém, não podendo entrar pela porta, decidiram-se por uma solução radical: entrar pelo telhado. O telhado normal na Palestina, apesar de não ter telhas,  “tinha vigas transversais alinhadas com mato, ramos de árvores, etc, em cima das quais havia uma grossa camada de lama ou barro misturado com palha cortada, batida e enrolada”. Aquilo ficava compactado e não era fácil fazer um furo. Então podemos entender que não foi fácil eles abrirem aquele buraco no telhado, mais isto não os impediu de fazerem o que estavam focados em fazer. Algumas características desses amigos e que em nossas células também encontraremos:

a) IMPORTAR: Os 4 homens se importaram com o seu amigo, aliás eles bem que poderiam pensar deixe que o fulano faz, ele é mais próximo, deixe que ele faça, mais não em unidade todos os 4 decidiram fazer alguma coisa( 4:17- Aquele, pois, que sabe fazer o bem e não o faz, comete pecado).

b) ALTRUISMO: O que é isto? Ausencia de egoísmo, abnegação, atitude que visa o bem estar do próximo, não tendo em consideração interesses particulares.

c) FAZER POR FAZER: Qual deve e qual foi o motivo que levou eles a fazer aquilo? Amor ao seus próximo, que naquele instante era o seu amigo enfermo. A bíblia diz que tudo que eu faça, pense, seja, se não for por amor, é trapos de imundícia(I Co. 13), e isto se chama no português o amor sublime(Àgape), que é o amor que Deus derramou em nossos corações.

d)PERSEVERANÇA: Dentro da estratégia que eles tinham de levar aquele amigo até Jesus, houve um problema, a casa estava cheia de gente, tinha dado Overbook, mais eles não desanimaram, e logo alguém surgiu com uma alternativa, então muitas vezes  se Deus colocou algo em seu coração, o obstáculo a tua frente não é sinal de desaprovação da parte de Deus, então persevere até…as coisas aconteçam.

e)CRIATIVIDADE: Diante do problema eles foram criativos, não sentaram todos em cima da cama do seu amigo e disseram: OH vida OH azar, eles decidiram fazer algo diferente. Temos visto as dificuldades das pessoas, perto da nossa casa, perto da nossa célula, perto da nossa igreja? E o que temos feito?

f)ELES ERAM MOVIDOS POR FÉ: Fé é algo espiritual, eles tinham certeza que se conseguissem apresentar o seu amigo a Jesus, o milagre aconteceria. Eles nutriam em seus corações uma FÉ viva, sabe aquela que remove montanhas? E ai a sua FÉ era acompanhada de obras. Ele conheciam o coração de Jesus, e no que dependesse deles, tudo terminaria bem e com o seu amigo curado.

g)CONCLUSÃO DO TRABALHO: Não desanimaram enquanto não concluíram o seu trabalho, foram até o fim, sem que nada nem ninguém os tirasse do propósito.

CONCLUSÃO:  Esta é a função das nossas células, levar e apresentar Jesus as pessoas que necessitam Dele, se cumprirmos com o nosso chamada, tudo vai terminar bem. Os 4 amigos representam a nossa responsabilidade e motivação diante do nosso chamado da parte de Deus, será que agiremos conforme eles agiram ou ficaremos inertes e acovardados, continuando dando desculpas para não agir?

O Tema para 2020 é: Eis aí o noivo, então a vinda do noivo(Yeshua) se aproxima e o que teremos em nossas mãos para apresetá-lo? Mãos vazias ou frutos? Ontem faleceu um dos maiores evangelistas de todos os tempos, Reinard Bonke, ganhou para Jesus 75 milhões de pessoas em todo o mundo e principalmente na África, e agora quem vai substitui-lo. Estavamos conversando sobre ele, e imagina comigo, quando ele se apresentar diante do Senhor da ceara e apresentar os seus frutos, como será lindo isto? E eu e vocês, o que apresentaremos para  Jesus? Amém